A importância de ter um tanque de combustível de qualidade

Manter o caminhão sempre bem equipado é uma de suas obrigações como caminhoneiro, caso contrário, as porcentagens de lucro diminuem consideravelmente, diluídas em manutenções e ajustes que não constavam no planejamento. O tanque de combustível, sem dúvida alguma, merece toda a sua atenção.

 

Tamanho do tanque de combustível

A começar pelo tamanho do modelo que você vai escolher para o seu possante. No ano de 2005, o Conselho Nacional de Trânsito tomou como padrão o uso de tanques de combustível que cheguem até 1.200 litros.

Tudo vai depender dos fretes que você costuma fazer, do tamanho das viagens, já que pouco compensa manter tanques maiores fazendo entregas em distâncias diminutas, aumentando o peso do caminhão em centenas de quilos, mesmo considerando os materiais mais leves.

Entregas de tanques com até 600 litros de capacidade estão dentro do que é considerado padrão, mas também é possível encontrar ótimas opções de reservatórios com capacidades menores de armazenamento, entre 150 e 500 litros, como você pode ver aqui.

Por mais que você já tenha consciência disso, sempre vale a lembrança: É essencial equilibrar o diesel que vai nos tanques, assim como o tamanho deles em ambos os lados, já que tudo que não queremos é guiar os brutos “brasilzão” afora com pesos desequilibrados.

 

Materiais

Nesse caso, temos mais escolhas para fazer, sempre melhor ficar por dentro das vantagens e desvantagens antes de decidir, certo? Não faz sentindo algum trabalhar por anos e anos desperdiçando dinheiro com o vazamento, mesmo que pequeno, de óleo diesel de seu tanque de combustível.

Por isso, antes de começarmos a falar um pouco mais sobre os matérias, não deixe de fazer revisões no tanque, de checar se há ou não vazamento, evitando assim que o seu lucro acabe ficando no asfalto do País, já basta os impostos e o preço do óleo que você paga.

O aço do momento, aqui no Brasil, é o inox, por conta do grau de segurança que oferece, dando poucas chances para a ferrugem, mais comum em tanques de aço galvanizado, por exemplo, pela estética que dá ao seu caminhão (sempre bom rodar com ele bonitão) e pela durabilidade do material.

O aço galvanizado, para jogarmos bem limpo com você, já ficou um pouco para trás, já que não apresenta as mesmas condições que nós acabamos de listar. Ele exige manutenções muito mais constantes para não enferrujar, além de serem mais pesados.

Falando em peso, acabamos lembrando dos tanques de combustível de alumínio, os mais leves no mercado, pesando consideravelmente menos do que os concorrentes, o que significa menor consumo de óleo diesel.

Enquanto isso, os tanques de plástico são geralmente utilizados em caminhões menores, por serem encontrados em tamanhos equivalentes. Vale dizer que um de quase 300 litros sai muito mais barato do que o de inox, por exemplo, mas certamente não oferecem o mesmo nível de segurança e durabilidade.

 

Inspeção periódica

Não importa qual material você escolheu para o seu tanque de seu caminhão, é sempre importante checar se não há vazamento de combustível, já que elas acabam potencializando despesas grandes de fretes, gerando insegurança nas rodovias.

Mais uma vez, não deixe de tirar o resto de suas dúvidas sobre preços e armazenagem aqui no site.

Depois de uma boa pesquisa, fica muito mais fácil decidir qual tanque de combustível para caminhão se encaixa melhor no atual momento de sua vida, sem nunca deixar de dar preferência à ela, ao invés do lucro momentâneo.

Quem já comentou sobre isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *